1.10.15

receita de sabão natural artesanal (passo-a-passo)

Muitas pessoas dizem que o segredo é a alma do negócio mas eu acredito que a alma é mesmo o segredo do negócio. Duas pessoas com a mesma informação podem criar coisas completamente diferentes. E porque já recebi alguns pedidos, vou partilhar uma receita para fazer sabão artesanal 100% natural, sem parabenos , óleos minerais, conservantes e outras coisas que são prejudiciais à nossa saúde.


* Receita original de Matramé Crafts *

Ingredientes

600g de azeite

50g de óleo de palma

180g de óleo de coco

50g de cera de abelha

20g de manteiga de cacau

301, 6g Água destilada

117,3g de soda cáustica


Medidas de Protecção
Usar sempre luvas, óculos e máscar quando se utiliza Soda Cáustica!

Mais info sobre medidas de Segurança quando se lida com Soda Cáustica ou Hidróxido de Sódio (NaOH) aqui. Este blog tem recursos muito bons sobre saboaria artesanal. Existe também um grupo no facebook Saboaria.


O cálculo de todos os ingredientes deve ser feito numa balança com uma margem de erro de 0.1 grama.


Misturar a soda à água
Importante misturar a soda cáustica à água e nunca ao contrário!


Misturar os óleos
Aquecer os óleos, a manteiga de cacau e a cera de abelha.


Misturar a solução de água e soda aos óleos
Os óleos devem arrefecer até aos 40º, Depois misturar a solução de água e soda que deve estar à mesma temperatura. Adicionar sempre a solução soda+água aos óleos e nunca ao contrário.


Misturar até atingir o trace
Misturar com a varinha mágica a baixa velocidade para evitar salpicos até atingir o trace, quando parece uma maionese ou pudim.


Colocar o sabão no molde
Depois de atingir o trace, colocar aditivos como óleos essenciais, fragâncias (eu não ponho para evitar reacções alérgicas), argilas e outros exfoliantes naturais, Depois é só colocar o sabão num molde próprio.

Cortar o sabão
Depois de 24 horas de "incubação", verificar se o sabão está duro, retirar dos moldes e cortar.

Sabonete de eucalipto e argila verde e sabonete de laranja e calendula
Curar o sabão
Curar durante 4 a 6 semanas num lugar seco e longe da luz solar. É muito importante verificar o ph do sabão antes de utilizar. Um ph neutro é o ideal entre 6 e 7.

Nota final: recomendo vivamente fazer uma oficina de saboaria artesanal. É muito diferente aprender a fazer do que apenas ler. Existem muitos recursos online, como o site que já falei mas também recomendo um bom livro. Finalmente, muito cuidado com a soda cáustica, é um produto altamente corrosivo. Apesar de não estar presente no produto final é fundamental na confecção do sabão e é nessa altura que se devem cumprir medidas de segurança.

Já fizeram sabão? Que outras dicas gostariam de partilhar?

1 comentário:

Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...